OUTROS TRATAMENTOS

SEDAÇÃO CONSCIENTE

A sedação consciente é uma técnica que permite reduzir o medo, a ansiedade e até o reflexo de vómito que muitos Pacientes sentem durante as consultas de Medicina Dentária.

Recorrendo à inalação de um gás, esta prática garante, ainda, que as pessoas se mantêm acordadas e cooperantes, assegurando que o tratamento dentário decorre normalmente e em perfeitas condições de segurança.

Vantagens da sedação consciente:

Efeito rápido – Normalmente, o efeito tem o seu pico máximo logo 3 minutos depois da inalação.

DENTISTERIA ESTÉTICA

Especialidade da Medicina Dentária responsável pela restauração de dentes que apresentem lesões de cáries, alterações de forma ou coloração e resolução de fraturas, restituindo a aparência original dos dentes.

Temos assim:

CIRURGIA ORAL

A cirurgia oral é a área da medicina dentária que se dedica ao diagnóstico e tratamento cirúrgico das doenças, lesões e anomalias dos dentes, boca, maxilares e estruturas anexas.

Inclui os seguintes atos:

REABILITAÇÃO ORAL

A Reabilitação Oral consiste na reconstrução ou substituição de dentes destruídos, onde muitas vezes, a substituição é feita através de próteses fixas ou removíveis. No caso de necessidade de outras estruturas orais (gengiva e osso) existem procedimentos para a recuperação dos mesmos. Têm como principal objetivo devolver ao paciente a função mastigatória, fonética e estética aos pacientes.

ENDODONTIA

Ramo da medicina dentária dedicado à patologia da polpa dentária e tecidos que rodeiam as raízes e o seu tratamento.

ORTODONTIA

Especialidade da medicina dentária que se dedica à prevenção e correção das más posições dos dentes e dos maxilares.

ODONTOPEDIATRIA E ORTOPEDIA ORAL NA CRIANÇA

Área da medicina dentária dedicada à saúde oral de bebés, crianças e adolescentes e que tem como principal objetivo a realização de tratamentos preventivos, mas também curativos para que a criança atinja a idade adulta com uma boca sã, estética e funcional.

Tem como objectivo:

PROSTODONTIA

A Prostodontia é área da medicina dentária que permite a substituição de dentes perdidos, restituindo a função, saúde e estética através de próteses dentárias. Os dentes perdidos podem ser substituídos utilizando próteses dentárias fixas ou próteses dentárias removíveis sobre dentes ou sobre implantes. De uma forma geral, a prótese fixa é uma solução preferível à prótese parcial removível ou à prótese total removível, não só pela estética e função, mas também pelo conforto que oferece aos pacientes.

PERIODONTOLOGIA

Área da medicina dentária que se dedica as doenças que afetam os tecidos que envolvem e suportam os dentes – periodonto – que incluem, para além da gengiva, o osso alveolar e outras estruturas responsáveis por manter os dentes firmemente implantados nos maxilares.
As doenças periodontais dividem-se em dois grandes grupos: as gengivites e as periodontites.

Nas gengivites há uma inflamação superficial da gengiva, sendo facilmente tratadas, com recuperação total dos tecidos. Nas periodontites há uma destruição das estruturas mais profundas, com reabsorção do osso, e se não tratadas, podem levar à perda do dente. Geralmente não causam dores, mesmo nos casos mais avançados.

HIGIENE ORAL

Prevenção das doenças orais e à manutenção dos tratamentos efetuados pelas outras especialidades, atuando numa vertente mais educativa e preventiva a cada paciente a fim de adequar hábitos de higiene oral específicos para cada doente.

HARMONIZAÇÃO FACIAL

Conjunto de procedimentos que servem para dar proporções equilibradas ao rosto.

A ideia da técnica é tratar diversas insatisfações: